Oracle

A nuvem se tornou o catalisador para uma série de tecnologias novas e disruptivas para seus negócios, desde chatbots e inteligência artificial (IA) até aprendizado de máquina aplicado e blockchain. Do ponto de vista de operações de TI, nunca foi tão fácil usar serviços — e cortar custos. Olhando para o futuro próximo, vemos que o modelo de computação gerenciado continua a amadurecer, oferecendo mais daquilo que as empresas precisam para concluir sua transformação para a nuvem — para seu desenvolvimento, sua inovação e suas operações.

Como um provedor de nuvem completo que atende clientes que são essencialmente líderes do setor, a Oracle tem profundo conhecimento das oportunidades tecnológicas do futuro — e a probabilidade da sua adoção. .É nesses pioneiros na adoção da tecnologia que a Oracle fez previsões para a nuvem em 2018. O que você poderia alcançar se agisse agora?

1 – Em 2020: Mais de 50% de todos os dados corporativos serão gerenciados de forma autônoma

Em teoria, as tecnologias ficam mais fáceis de usar, mais confiáveis e mais eficientes à medida que amadurecem. Isso se aplica aos serviços em nuvem, que devem apresentar maior eficiência, redução de riscos e agilidade. Porém, ao contrário dessa premissa, muitos provedores de nuvem optam pela solução mais fácil e oferecem serviços independentes — esperando que os próprios assinantes elaborem as soluções de que precisam.

Pode não ser surpresa, mas o gerenciamento de dados em todas as suas formas (relacional, NoSQL, Hadoop e dados de transmissão) é o primeiro serviço PaaS planejado e que está em uso atualmente. Os provedores de nuvem devem prestar bem atenção — é aqui que a inovação é necessária.

O gerenciamento de dados de última geração requer colaboração entre engenheiros de banco de dados e de
infraestrutura e cientistas de dados, o que propicia a detecção autônoma de anomalias e fortalece características como desempenho, confiabilidade, segurança e correção. Além disso, os administradores devem esperar uma automação completa de atividades mais rotineiras – como provisionamentos, dimensionamentos, backups, atualizações e patches.

As operações autônomas, que contam com o respaldo de acordos de níveis de serviço (SLA) altamente exigentes, proporcionam um incentivo adicional para a migração das operações de banco de dados para a nuvem. É pensando nisso que lançamos a previsão de que mais da metade de todos os dados corporativos serão gerenciados de forma autônoma na nuvem até 2020. A Oracle oferece um ecossistema de dados completo, possibilitando que o gerenciamento de dados e o amplo conjunto de serviços IaaS/PaaS relacionados trabalhem juntos de forma automática e, em muitos casos, de forma autônoma.

2 – Em 2020: Mais de 80% dos aplicativos e operações de infraestrutura serão resolvidos de forma autônoma

Acreditamos que uma automação inteligente deverá permear a plataforma da nuvem mais intensamente, com o aprendizado de máquina e a IA ajudando os usuários a prever o tempo de inatividade, detectar anomalias de desempenho, identificar riscos de segurança em tempo real e automatizar completamente as ações corretivas.

Nossa estimativa conservadora é que as operações atualmente passam por 20.000 intervenções administradas por mãos humanas por ano, número que em breve cairá para apenas 20. Hoje, o Oracle Management Cloud tem
visibilidade em todas as plataformas operacionais e aprende o comportamento normal de cada aplicativo. Quando as anomalias ocorrem ou são previstas, as causas-raízes podem ser compreendidas — e uma ação preventiva ou corretiva pode ser tomada automaticamente.

3 – Em 2020: A segurança sairá do nível 10 para o nível 1

Os crimes cibernéticos estão se tornando cada vez mais sofisticados e as organizações estão tendo dificuldades para detectar, evitar e reagir com eficácia aos ataques cibernéticos modernos. Enquanto a preocupação atual
dos executivos é gerenciar receitas e reduzir custos, em apenas dois anos a segurança e a conformidade ganharão importância, merecendo uma atenção igual, e até mesmo maior.

Porém, ao passo que a infraestrutura fica cada vez mais segura, as organizações pioram em termos de segurança cibernética. As melhores práticas de segurança continuarão a ser um problema, com a falta de aplicações periódicas de patches e criptografia insuficiente expondo os dados a riscos desnecessários. No entanto, os provedores de nuvem que dispõem de uma gestão de segurança abrangente oferecem a capacidade de detectar e
corrigir vulnerabilidades, criptografar os dados e aplicar patches periodicamente em toda a pilha, tudo isso de forma
autônoma. Por estas razões, entre outras, podemos prever que em 2020 haverá ambientes nos locais que apresentarão riscos altíssimos aos seus dados.

O gerenciamento do risco organizacional é primordial, e alguns dos melhores gerentes de risco são profissionais de
segurança cibernética. Na verdade, acreditamos que é natural que surjam mais CEOs desse espaço de segurança
cibernética, devido à sua experiência em gestão de risco.

Para garantir que você esteja trabalhando em um ambiente com segurança máxima, o Oracle Cloud apresenta a
instalação automatizada de patches de segurança essenciais — promovendo a segurança contínua como um padrão — enquanto nossa estrutura do Centro de Operações de Segurança (SOC) com base em identidade oferece monitoramento abrangente, detecção de ameaças, análises, bem como ferramentas de correção em ambientes híbridos.

4 – Em 2020: Provedores de nuvem irão adicionar controles no local — ou perderão cargas de trabalho essenciais

Embora as novas arquiteturas desenvolvidas na nuvem sejam uma alternativa, as empresas não estão dispostas a investir em reconstruções de aplicativos, nem há garantias de que esses objetivos serão alcançados. Os provedores de nuvem devem facilitar a transição oferecendo os benefícios da nuvem e o controle de ambientes nos
locais para ajudar as organizações a adotar um modelo de operações para TI que seja consistente.

O Oracle Cloud Infrastructure (OCI) é projetado para migrar cargas de trabalho extensas, complexas e essenciais com facilidade. Não importa se a carga de trabalho é pequena ou grande, se é desenvolvida na nuvem, o OCI oferece um modelo operacional inovador que proporciona às empresas controle direto sobre seus recursos, garantindo o desempenho constante normalmente encontrado em data centers no local.

5 – Em 2020: Os setores regulamentados migrarão para a nuvem em massa

No entanto, ainda persistem obstáculos para a adoção da nuvem pública. Por exemplo, muitas organizações dos setores público e privado não podem fazer a mudança para ambientes de nuvem pública devido a requisitos regulatórios, como a EU GDPR.

E se você pudesse terceirizar a gerenciamento e manutenção de ativos de hardware e software e ainda manter tais ativos protegidos em seu data center? Graças a soluções como o Oracle Cloud at Customer — que oferecem escalabilidade e capacidade para ampliação da nuvem pública atrás de seu firewall — podemos prever que até
mesmo os setores regulamentados transferirão 50% de suas cargas de trabalho de produção para a nuvem até 2020.

6 – Em 2020: A maior parte dos novos aplicativos será construída com arquiteturas de microserviços

O código-fonte aberto pavimentou o caminho para a arquitetura de microserviços, com muitos componentes dando apoio à integração contínua, além de oferecer pipelines, plataformas de microsserviços, contêineres, gestão e
organização de contêineres, serviço de registro de contêineres e recursos sem servidor.

A adoção de contêineres cross-cloud — como Docker e Kubernetes — está em ascensão e os desenvolvedores necessitam de cloud stack aberto para evitar aprisionamento tecnológico.

A infraestrutura de nuvem da Oracle leva em conta ferramentas de código aberto e integração com contêineres cross-cloud, dando aos usuários a escalabilidade ágil de que precisam.

Fonte: Oracle

Como a G&P pode ajudar a sua área de TI?

A transformação para a nuvem está acontecendo agora — e está ficando cada vez mais fácil. A adoção da nuvem não é mais uma questão de por que — mas quando e como.  A G&P é uma das maiores implementadoras de Soluções, Serviços Gerenciados e Projetos em Tecnologia Oracle.Ao longo de vários anos de experiência na Implementação e Gestão dessas soluções, conta com uma equipe composta por arquitetos e implementadores de alto nível de conhecimento.

Dê o próximo passo de sua jornada para a nuvem conosco!

Confira as nossas soluções clicando aqui.

Gostaria de mais detalhes sobre como podemos ajudar a sua empresa? Entre em contato conosco.